Projeto Conexão

De Rosa Mário, Mário Cumbana e Gonga

QUARTA  23 DE OUTUBRO - 19H

JARDIM | 250MZN / 150MZN (CLUBE CULTURAL & - DE 12 ANOS)

 

Mesmo parecendo que estamos isolados, que somos individualidades, estamos juntos. Em  muitos  momentos  e  situações  podemos  sentir  isso,  quando  rimos  juntos,  quando  olhamos  para  a  mesma  direcção,  quando  escutamos  uma  música,  quando  dançamos  ou  vemos  alguém  dançar,  quando  acreditamos  na mesma coisa, quando falamos a mesma  língua, quando estamos na natureza,  quando algo  nos  inspira, quando  estamos vivos... Percebemos  que  a  observação  do  que  fazemos  e  como  fazemos, nos conecta a nós mesmos. Reduzindo o ritmo acelerado do nosso dia-a-dia, a tendência do rápido e em quantidade para o lento, observável, integrável e harmonioso. O Projecto Conexão surge do passeio da peça Conexão pelo  grande Maputo e das interacções que daí surgiram.

Bilhetes à venda a partir das 10h, do dia do evento, ao preço de 250MZN / 150MZN (Clube cultural)


Alambique em concerto

Hortêncio Langa (band leader) - voz e guitarra    Arão Litsure - voz, guitarra e saxofone    Adérito Gomate - teclados     Armindo Salato - voz e baixo    Almeida Ngoca - bateria    Alcídio Pires - Percussão    Sarmento - sax/alto    Arsénio Nhauando - trombone

SEXTA-FEIRA  25 DE OUTUBRO - 20H30

SALA GRANDE | 600MZN / 500MZN (CLUBE CULTURAL & - DE 12 ANOS) 

 

“Alambique” é uma banda musical moçambicana criada em 1984 por Hortêncio Langa e Arão Litsure. Estes dois músicos (que faziam parte de um trio acústico com João Cabaço) decidiram criar o agrupamento com o intuito de explorar novos ritmos e sonoridades, recorrendo a novas abordagens, fundindo melodias tradicionais da canção popular moçambicana com harmonias do jazz e da bossa nova. Nos anos subsequentes “Alambique” impôs-se na arena musical nacional como uma banda de jazz-fusion moçambicana, realizando experiências notáveis com a composição de temas próprios e a harmonização "jazzística" e interpretação de temas da canção tradicional e da música popular urbana. “Alambique” foi um dos protagonistas das sessões de Jazz animadas por Ricardo Rangel, grande entusiasta do jazz, nas casas de pasto da capital, durante os anos 90 até à sua desintegração. Fizeram digressões pela Escandinávia, nomeadamente: Suécia, Noruega, Dinamarca (1987), Finlândia e também pelo Zimbabwe (1990). Considerando a dinâmica do desenvolvimento do sector da cultura, em função do surgimento de novos músicos e instrumentistas com formação académica, ʺAlambiqueʺ retorna aos palcos para prosseguir os objectivos musicais e artísticos numa perspectiva mais ousada, agregando uma secção de sopros e percussão, com a integração de músicos saídos da Escola de Comunicação e Artes da Universidade Eduardo Mondlane e um baixista de experiência comprovada.  

Actualmente a banda integra os seguintes músicos:

1.    Hortêncio Langa (band leader) - voz e guitarra
2.    Arão Litsure - voz, guitarra e saxofone
3.    Adérito Gomate - teclados
4.    Armindo Salato - voz e baixo
5.    Almeida Ngoca - bateria
6.    Alcídio Pires - Percussão
7.    Sarmento - sax/alto
8.    Arsénio Nhauando - trombone

Os bilhetes serão vendidos no dia do evento, a partir das 10h, ao preço de 600MZN / 500MZN (Clube cultural)


Programa de outubro 2019

Download do Programa Mensal

CCFM_Programa Outubro 2019_Web.pdf
Document Adobe Acrobat 1.2 MB

CONTADORES DE ESTÓRIAS ILUSTRADASWORKSHOP DE BANDA DESENHADACOM HÉLIO JANUÁRIO (MZ)

Para receber a Newsletter

Note : veuillez remplir les champs marqués d'un *.