DETALHES

Nov 27 2021
10:30H - 12:00H
Mediateca
Descrição

“Os bichos povoam as línguas do mundo. Será que as primeiras estórias apareceram com eles e as pessoas só surgiram depois?… todos já ouvimos sobre o leão, o macaco, o espertinho coelho…”
A verdade é que o Julizardo foi a personagem mais famosa daquelas redondezas, um povoado de palhotas de caniço, algumas casas de madeira e zinco, de onde, na linha do horizonte, se via a cidade. O nosso artista, gingão de capuz azul na cabeça, sorte de coroa real, estremecia só de ouvir falar em morcegos. Ele bem sabia que o seu sangue era uma frieira danada e que morcego sério nunca se lembraria sequer de o assustar. Um tagarela e um brincalhão, este Julizardo…

Luís Carlos Patraquim é um poeta, autor teatral e jornalista moçambicano nascido em maputo em 1953.
Refugiado na Suécia em 1973, regressa a Moçambique em 1975, onde vai trabalhar no jornal “A Tribuna”. Encerrado o jornal, integra o grupo fundador da Agência de Informação de Moçambique (AIM) sob a direção de Mia Couto.
De 1977 a 1986 trabalhou no Instituto Nacional de Cinema de Moçambique (INC) como autor de roteiros e de argumentos e como redator do jornal cinematográfico Kuxa Kanema. Em conjunto com Calane da Silva e Gulamo Khan, coordenou, entre 1984 e 1986, a Gazeta de Artes e Letras da revista Tempo.

Traz a tua criança!

Até lá.

VOLTAR PARA A AGENDA